Thursday, July 5, 2007

Lifestraw - A palhinha milagrosa

Um dos grandes desafios do mundo em que vivemos hoje é, sem dúvida, a irradicação da pobreza, da miséria, das doenças e da fome, apenas para enumerar alguns dos muitos grandes males deste planeta. Todos estes flagelos são fácilmente identificáveis nos chamados países subdesenvolvidos, (terceiro mundo) em especial nos países africanos, mas também em países emergentes como sejam a Índia e a China. O mínimo que se pode fazer será tentar combater esta triste realidade.
Todos nós sabemos que este combate é desigual e que é uma tarefa gigantesca e de muito difícil (ou mesmo impossível) concretização. Quanto mais não seja pelos interesses que vêm ao de cima das potências mundiais, como sejam os EUA, apenas para nos referirmos ao caso mais pragmático.

Ora, quando surgem notícias de invenções (por acaso americana) que poderão ajudar, de certa forma, o combate a todas estas "pragas", é uma boa razão para esboçarmos um sorriso. Esta invenção de que vos falo chama-se Lifestraw e, bastará a utilização deste pequeno objecto, para prevenir doenças que se contraem junto de água não potável, que abunda, e de que maneira, nos países mais pobres. Trata-se de um pequeno tubo que contém um filtro que permite purificar água não potável, transformando-a em água bebível, removendo os micro-organismos responsáveis pelo alastramento de doenças como a Febre Tifóide, a Cólera e a Desinteria. O segredo deste objecto reside numa resina ou pasta à base de halogéneo que mata eficazmente as bactérias, simplesmente ao entrar em contacto com elas.

É incrível como um objecto tão pequeno como este pode ajudar a salvar milhares, ou mesmo milhões de vidas humanas.

Mais invenções como estas são muito bem vindas nos dias de hoje...venham elas!!

6 comments:

Pedro Almeida said...

Eu sempre desconfiei do teu amor às palhinhas... ;-)

gasolina said...

Não acredito nada... :~D!!!

Ele há horas assim... said...

Pronto...o furas tinha que descambar!!!!

Pedro Almeida said...

Não zanga não Horinhas, brincadeirinha, cara.

Miguel F. Carvalho said...

se vacinassem era as pessoas!!!!

tubinhos??? para se venderem no mercado negro a quanto?

nice said...

É terrível o estado do mundo moderno, gostava de ser mais útil do que sou.
Agora vou dormir e pensar neste assunto.